Startup lança novo modelo de negócio para fotógrafos

Plataforma multi-aplicação ajuda fotógrafos e artistas a criarem portfólios profissionais e engajarem mais clientes pela internet

Redação 12/07/2017
Redação 12/07/2017

As várias tentativas do fotógrafo Rafael Bigarelli de ter um site profissional, bonito e fácil de atualizar lhe trouxeram dor de cabeça e dinheiro desperdiçado. Mas também, uma grande ideia de negócio.

“Eu já tinha tentado de tudo e gastado muito dinheiro, mas não conseguia uma página com a qualidade esperada para apresentar meu portfólio, que tivesse forte impacto visual, mas fosse fácil de usar. Aí pensei: se eu tenho este problema, todos os profissionais que precisam expor seu trabalho na internet devem ter também”, explica.

Junto com dois amigos, o programador Arquimedes Ferreira, e o publicitário, Marcelo Tesser, os três empreendedores deram início em 2015 a startup Alboom e o primeiro produto chamado Alboom Pro Site – uma plataforma online para criação de sites, escalável e 100% baseada na nuvem. Logo a empresa conquistou milhares de clientes, entre eles, fotógrafos, videomakers, artistas visuais, freelancers e profissionais autônomos em geral, como decoradores e designers, que viram na tecnologia uma oportunidade de apresentar o portfólio em um site acessível e atraente.

“Superplataforma”

Com o sucesso do primeiro produto e uma política de forte relacionamento com o cliente, a Alboom iniciou em 2016 uma estratégia agressiva de crescimento. A chegada do novo sócio e CEO Marcelo Moscato – 20 anos de indústria de software e ex-Vice-presidente na SAP América Latina – é mais um passo para transformar a empresa na principal plataforma multi-aplicação da América Latina para fotógrafos, artistas e autônomos.

A empresa investe em uma “superplataforma” que integra diversos serviços para ajudar o profissional a crescer. Entre eles, uma ferramenta gratuita que será lançada este ano. Este aplicativo vai organizar a demanda de serviços, auxiliar na aprovação e seleção de seus trabalhos, além da criação de galerias compartilhadas com outros fornecedores. Todo esse processo será extremamente simples, com a intenção de gerar cada vez mais networking e mais oportunidades de negócios aos usuários.

“Começamos com uma tecnologia para a criação de sites e vamos  ser a solução que resolve todos os problemas desses profissionais: desde engajamento de clientes em diversos canais, divulgação e captação de leads, até a área comercial e financeira. Nossa meta é transformar este mercado, auxiliando os usuários a terem mais sucesso em seus negócios”, explica Marcelo Moscato, CEO da Alboom.

Em cinco anos, a empresa pretende chegar a 200 mil usuários e mais de 1 bilhão de fotos armazenadas.

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.