Última edição Edição 262 January 2017 Assine

62% trocariam marcas habituais por aquelas que melhoram a cidade

redacao 05/05/2014
redacao 05/05/2014

62% dos consumidores estariam dispostos a trocar a marca habitual de seus produtos por quem promovesse melhorias na cidade, como ações de cultura, bem-estar e lazer gratuitos.

Essa é uma das revelações da pesquisa do Ibope/Conecta, concluída nesta semana, sobre a relação entre os consumidores, marcas e as cidades. Foram entrevistados 1.048 internautas, todos moradores da cidade de São Paulo, de várias faixas de idade, neste mês de abril.

O objetivo da pesquisa era mostrar a aceitação dos internautas que vivem em São Paulo a diferentes modelos de exposição de marca, usando o espaço urbano.

O Ibope/Conecta também aponta que 50% dos entrevistados aceitariam em algum grau, pagar um pouco mais caro por marcas que promovem ações de melhorias na cidade.

A pesquisa perguntou também sobre a publicidade on-line. Questionados sobre como reagem às propagandas intrusivas (exemplo pop-up) em alguns sites -, 43% afirmaram que fecham sem ler a publicidade, ignorando a marca. A maioria, 82%, se sente um pouco ou muito invadido com este tipo de propaganda.

Mas se formatos tradicionais de propaganda on-line sofrem restrições, como se relacionar com o seu público? A resposta vem dos próprios entrevistados: 83% disseram que sentem muito ou um pouco de orgulho ou admiração por marcas que promovem ações urbanas de cultura, bem estar e lazer.

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.