Abertura de micro, pequenas e médias empresas cresce no Brasil em 2016

Redação 21/02/2017
Redação 21/02/2017

A instabilidade política e econômica no Brasil atualmente tem provocado muitas demissões e, em consequência, tem estimulado a abertura de novos negócios, especialmente, as micro, pequenas e médias empresas. Segundo dados do Empresômetro o número de micro, pequenas e médias empresas têm crescido em proporções cada vez maiores no País. Prova disso é que no ano de 2016, somente no estado de São Paulo, o crescimento foi de 11,73%. Contudo, quem pretende abrir um negócio próprio no País enfrenta os mesmos problemas de sempre, a alta carga tributária e a enorme burocracia.

O contador Flávio de Oliveira, sócio diretor do escritório Silva & Oliveira Consultoria Contábil, assegura que as micro e pequenas empresas são as principais geradoras de riqueza do País, já que correspondem a 89,12% das empresas ativas no Brasil e geram diversos empregos. “Os números demonstram significativamente a importância de incentivar e orientar cada vez mais os empreendimentos de menor porte, inclusive os microempreendedores Individuais, já que essas empresas são decisivas para a economia do País” afirma o especialista.

“Ao orientar os empreendedores de diversos segmentos sobre as boas práticas de gestão empresarial, estamos contribuindo para o desenvolvimento das PME’s no Brasil”, enfatiza Flávio.

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.