Alimentação diferenciada abre oportunidade para negócios

Opções de cardápio podem incluir comida orgânica, vegetariana e saladas especiais

Redação 16/10/2017
Redação 16/10/2017

Uma pesquisa nacional, realizada pelo Sebrae, revela que há boas oportunidades para pequenos negócios que queiram investir na oferta de alimentação saudável e diferenciada. De acordo com o levantamento, apenas 6% das micro e pequenas empresas apostam nesse segmento, que é um novo nicho de mercado. Dos poucos que comercializam alimentação saudável, 56% trabalham com comida orgânica, 18% saladas especiais, 6% vegetariana e 6% produzem alimentação saudável para crianças.

“Esses dados mostram que há oportunidades para empreendedores atentos a novos perfis de consumo, a exemplo daqueles que preferem a gastronomia sustentável. É uma tendência de consumo, o que pode gerar negócios inovadores, como restaurantes e lanchonetes especializados no público infantil ou para aqueles consumidores que preferem alimentação à base de produtos orgânicos, por exemplo”, disse a diretora técnica do Sebrae, Heloisa Menezes.

Ela explica também que, por existir essa nova tendência, alguns varejistas preparam suas cadeias de suprimentos para trabalhar com ingredientes de origem conhecida e certificada, além de privilegiar alimentos frescos e de fornecedores locais. “Percebemos que, cada vez mais, há consumidores que buscam opções saudáveis e que estão menos tolerantes aos ingredientes artificiais”, completa a diretora do Sebrae.

 

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.