Empreendedor - negócio criativos, inovadores e rentáveis

EMP 261 site Última edição Edição 261 December 2016 Assine

Bolsas européias tentam se recuperar da queda da segunda-feira

redacao 10/12/2009
redacao 10/12/2009

 A maior parte das bolsas européias se mantiveram hoje, após as quedas generalizadas da segunda-feira, levemente em baixa ou paralisadas, com exceção da Bolsa de Madri e de Paris, que registravam altas de quase 2% na metade do pregão.

Na Bolsa de Madri, o Ibex-35 subia 1,88%, enquanto, na Bolsa de Paris, o CAC 40 ganhava 1,47%.

Nos outros mercados europeus, os índices das bolsas de valores continuam no vermelho ou se mantinham estáveis, diante dos persistentes temores de um contágio da crise financeira americana, e apesar das mensagens tranqüilizadoras dos Governos.

Em Frankfurt, o índice DAX 30 caía 0,36%, mas chegou a estar em alta de 0,8% por um momento. O FTSE-100 de Londres caía 0,20%, e o S&P/MIB de Milão perdia 0,01%.

Os títulos bancários, assim como em pregões anteriores, eram os mais castigados nas bolsas de Frankfurt e Londres.

No pregão londrino, as ações do Barclays caíam 5,49%, enquanto, em Frankfurt, os valores mais castigados eram os do Deutsche Bank, que perdiam 5,26%.

Os analistas atribuíram esta nova queda do Deutsche Bank aos persistentes rumores de que a entidade financeira realizará uma ampliação de capital, o que o banco desmentiu através de um comunicado.

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.