Brasil exporta conhecimento sobre cerveja

Com sedes próprias no Brasil e no Uruguai e cursos em realização na Argentina, única instituição de ensino superior da América Latina especializada em bebidas chega à quarta nação

Redação 10/07/2018
Redação 10/07/2018

Subiu para quatro o número de países com presença da Escola Superior de Cerveja e Malte (ESCM). A instituição assinou na última quarta-feira (27) uma parceria com a Faculdade de Ciências Agrárias da Universidade Nacional de Assunção, no Paraguai. Através dela, fica acordada a cooperação acadêmica, científica e tecnológica entre as entidades para realização de pesquisas e cursos.

As duas primeiras formações serão em Sommelier de Cervezas ESCM/Doemens e Diplomado em Cerveceria. Nas próximas semanas já serão liberadas informações sobre datas, horários e inscrições. Além das sedes em Blumenau (SC) e Montevidéu (no Uruguai), a ESCM promove cursos também na Argentina neste ano.

Para Carlo Bressiani, diretor da instituição, a expansão pela América Latina é reflexo do momento em que as cervejas artesanais estão conquistado espaço e os envolvidos com o mercado buscando profissionalização. “Nos nossos cursos concentrados, que acontecem duas vezes ao ano, temos muita procura destes locais. Isso mostra o quanto o segmento pela bebida está ganhando força no mundo todo. E, com a expertise de quatro anos no Brasil, estamos contribuindo para acelerar o movimento de capacitação também no Uruguai, Argentina e, agora, no Paraguai”, comenta.

Sobre a Escola Superior de Cerveja e Malte
Com mais de 6 mil alunos formados em quatro anos de atuação, a Escola Superior de Cerveja é Malte é a primeira e única instituição de ensino superior especializada na bebida da América Latina. É parceira da alemã Doemens Academy, uma das mais respeitas entidades do mundo.

São cerca de 90 cursos diferentes, em mais de 200 turmas já realizadas. Na sede, em Blumenau (SC), além das salas de aula estão disponíveis 8 laboratórios voltados para o ensino de cerveja. Parcerias com cervejarias da região garantem visitas técnicas e relacionamento com o mercado durante os cursos

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.