Empreendedor - negócio criativos, inovadores e rentáveis

EMP 261 site Última edição Edição 261 December 2016 Assine

Brasileiros vão gastar mais, mas vão poupar mais em 2011, aponta estudo

redacao 22/03/2011
redacao 22/03/2011

De acordo com o estudo "O Observador Brasil 2011", no ano passado a renda média dos brasileiros cresceu em todas as classes e regiões. Com isso, a renda disponível (rendimento total da família menos os gastos ) cresceu 45,22% na comparação com 2009.

Com o aumento de renda, os gastos também cresceram. Porém, o estudo revela que parte do dinheiro que sobrou foi destinado a produtos relacionados a segurança financeira, como seguros, plano de saúde e previdência privada.

"A compra desses produtos cresceu 86%", afirma o vice-presidente da Cetelem BGN, Miltonleise Carreiro Filho, o que revela um brasileiro mais consciente de seu orçamento e com maior planejamento financeiro. Além disso, o ato de poupar também foi maior.

Mais gastos e mais poupança
Embora a intenção de compra em 2011 tenha crescido em todos os itens analisados, 79% dos pesquisados pretendem economizar mais neste ano e poupar, o que já aconteceu em 2010.

Para se ter ideia, quando os entrevistados foram questionados se pouparam em novembro de 2010, houve aumento nas respostas positivas dos cidadãos de classe AB e DE; apenas a classe C poupou menos.

De acordo com os números, nas classes AB houve um aumento de 10% (em novembro de 2009) para 15% (em novembro de 2010) no total poupado. Nas classes DE, o aumento foi de 1% para 3% no período. Já a classe C passou de 8% para 7%.

Enquanto a classe AB elevou a quantidade poupada de R$ 407 para R$ 528, as classes DE elevaram o valor poupado de R$ 150 para R$ 256. Já na classe C, o valor guardado caiu de R$ 633 para 584.

Porém, com o dinheiro que sobra mensalmente, o estudo mostra que em 2010 a maioria preferiu utilizá-lo para adquirir uma nova prestação. Em segundo lugar, a atitude mais comum entre os brasileiros foi a poupança, seguido por pagamento de prestação atrasada.
 

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.