Cartão de crédito é a principal pendência para 71% dos endividados

redacao 22/12/2010
redacao 22/12/2010

O cartão de crédito lidera a lista dos tipos de dívidas dos brasileiros em dezembro. De acordo com a Peic (Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor), da CNC (Confederação Nacional do Comércio), neste mês, 71,2% dos consumidores endividados têm dívidas com o dinheiro de plástico para arcar.

Considerando as faixas de renda, entre aqueles com ganhos de até 10 salários mínimos, 71,5% têm dívidas no cartão de crédito, ao passo que, entre os que ganham acima desse patamar, 68,6% estão na mesma situação.

De maneira geral, a Peic revelou que, em dezembro, 58,3% dos consumidores do País estão endividados – número menor que o registrado em novembro, quando 59,8% estavam nessa situação.

Carnês, crédito pessoal e financiamento de carro
Ainda de acordo com a pesquisa, carnês, crédito pessoal e financiamento do carro também estão na lista de dívidas dos brasileiros, atrás do cartão de crédito.

Na primeira modalidade, 21,9% dos consumidores têm dívidas. Entre os que ganham até 10 salários mínimos, 22,5% têm carnês a pagar, ao passo que 17,3% dos que recebem acima desse patamar estão na mesma situação.

Considerando as dívidas no crédito pessoal, 9,6% dos consumidores têm esse comprometimento em dezembro. Na análise por faixa de renda, o nível de endividamento nessa modalidade é semelhante. Dos que recebem até 10 mínimos, 9,6% têm dívidas desse tipo, ao passo que, entre os de maior renda, 10% estão nessa situação.

No caso do financiamento de veículos, na média geral, 9,8% dos pesquisados têm dívidas desse tipo neste mês. Dos que recebem até 10 mínimos, 7,8% têm esse tipo de dívida para pagar, enquanto que, dentre os que ganham acima de 10 salários mínimos, o percentual é de 24,9%.

Cheque especial, pré-datado e consignado
A Peic ainda revelou que, em dezembro, 7,5% dos brasileiros têm dívidas no cheque especial. Dos pesquisados de menor renda, 6,7% têm dívidas nessa modalidade de crédito, ao passo que, entre os que ganham acima de 10 salários mínimos, o percentual é de 13,8%.

No cheque pré-datado, o nível de endividamento é quase igual: 3,1% entre os que ganham até 10 mínimos e 3,2% entre os que recebem mais. No geral, 3,1% dos entrevistados têm dívidas com pré-datados neste mês.

Segundo o estudo, 3,8% dos brasileiros têm empréstimo consignado para quitar em dezembro. Considerando os que ganham até 10 salários, 3,7% têm dívidas com essa modalidade de crédito, ao passo que, entre os de maior renda, 4,8% têm débitos com consignado para quitar.

Financiamento de casa
As prestações da casa própria também estão presentes na lista dos tipos de dívidas dos consumidores em dezembro, embora em proporção menor que os demais débitos. Neste mês, 3,5% possuem prestações para pagar.

Considerando as faixas de renda, os que recebem mais de 10 salários mínimos estão mais endividados nessa modalidade (7,5%) do que os que recebem menos do que esse patamar (2,9%).

Sobre a pesquisa
A Peic, da CNC, é uma pesquisa mensal, iniciada em janeiro deste ano. Para compilar os dados, a CNC ouviu 17.800 consumidores de todas as capitais do País.
 

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.