Sócia criadora de e-commerce dá três dicas para fazer diferente e se destacar

Apesar de ser mais fácil para começar, o e-commerce exige disciplina, inovação e muito trabalho para prosperar

Redação 07/02/2018
Casal sentado em um banco, ela de vestido de noiva e ele de roupa esporte-social, representando um ecommerce de vestidos de noiva despojados
Redação 07/02/2018

Foi-se o tempo em que era preciso ter um espaço físico para comercializar diferentes artigos. Hoje, com pouco investimento já é possível ter seu próprio e-commerce e garantir a renda no conforto de casa. Um estudo realizado pela empresa de pagamentos Paypal aponta que, atualmente, há 600 e-commerces brasileiros ativos. Porém, apesar de ser mais fácil dar o primeiro passo, a previsão é que grande parte dos sites inaugurados tenham vida útil de seis meses, segundo a mesma pesquisa.

No entanto, é preciso disciplina, inovação e muito trabalho para prosperar. No ar há três anos, “O Amor É Simples” é uma startup que ajuda noivas encontrarem vestidos acessíveis e nada tradicionais para o dia do casamento. Idealizado pelas jovens Natália Pegoraro, Janaína Pasin e Laís Ribeiro, o projeto foi responsável por entregar mais de 550 peças para clientes do Sul ao Norte do país.

Confira algumas dicas que a sócia Laís preparou para tirar a ideia do papel e potencializar ainda mais o seu e-commerce:

Comece simples e teste, teste, teste: Faça sua ideia acontecer e, para isso, não precisa ter a melhor logomarca, desde o início. Comece com uma loja virtual pronta, layout mais simples, peças de baixo custo e vá evoluindo com o tempo. “Demos o start com apenas R$ 10 mil, que eram as nossas economias. Provavelmente, se tivéssemos esperado pelo formato ‘ideal’, desistiríamos no meio do caminho ou demoraríamos muito para nos lançar no mercado. Nós três acreditamos naquela máxima de que, se você não tem vergonha da primeira versão do seu primeiro produto, é porque começou tarde demais”, comenta Laís, uma das criadoras da marca.

Aposte na segmentação: Busque um nicho para trabalhar. Assim, fica mais fácil se diferenciar e crescer gradualmente. Crie plataformas, conteúdos e ações que aproximem e engajem esse público de forma contínua, valorizando as características do seu cliente em potencial. “Nós prezamos por um atendimento diferenciado e focamos em noivas que casam de forma descomplicada, principalmente em cerimônias ao ar livre, como praia e campo. Além disso, nossas noivas podem falar com a gente a qualquer hora do dia. Queremos que elas nos enxerguem como uma amiga ou mesmo a madrinha, que está ao lado para o que der e vier. Isso gera confiança e, posteriormente, indicação”, diz Laís.

Invista em social media: Se o seu negócio está na web, é nesse local que ele deve funcionar 24 horas por dia. Faça bom proveito das redes sociais e esteja em todos os canais. Criar campanhas criativas e de baixo custo também devem estar no planejamento. Em junho de 2016, O Amor É Simples criou um Infográfico do Amor. A proposta era que casais respondessem algumas perguntas sobre suas trajetórias e, em poucos segundos, uma imagem com dados que contabilizavam quantos beijos foram dados, quantos presentes foram trocados, entre outras informações interessantes. “Em apenas uma semana, tivemos 35 mil cadastros. Foi um grande sucesso e trouxe bastante notoriedade para gente!”, afirma Laís.

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.