Última edição Edição 262 January 2017 Assine

Empreendedora inova ao fazer biscoitos com receita caseira

redacao 26/02/2014
redacao 26/02/2014

Empresária de Potengi (RN) desenvolve máquina para manter as características artesanais dos produtos e conquistar a clientela

Os biscoitos produzidos pela empresária Rosângela de Melo são feitos na fábrica, mas nunca perderam as características artesanais de quando ela começou o negócio, ainda dentro de casa. Graças à inovação no processo de produção e investimento em pesquisas, a empreendedora do município de Potengi (RN) oferece uma linha de itens diferenciados. Sua marca Produtos Regionais está nas prateleiras dos principais supermercados da região e vende mais de 60 mil biscoitos por mês. A empresária é finalista do Prêmio Sebrae Mulher de Negócios, na categoria Pequenos Negócios.

Após adquirir experiência em uma padaria, Rosângela decidiu fazer bolos caseiros. Sempre atenta às necessidades da clientela, ela logo diversificou a produção com suspiros e raivinhas, biscoitos à base de polvilho. Como não tinha dinheiro para comprar uma máquina de pingadeira, ela desenvolveu com um mecânico o próprio artefato, que imitava uma máquina portátil, com capacidade para produção de 40 tipos de biscoitos.

A inovação, que é usada até hoje na fábrica, resultou não só em um processo produtivo que dispensa manutenção e energia elétrica, como garante diferencial à marca. “Propositalmente, os bicos dos biscoitos não têm um padrão, o que torna cada produto diferente do outro e garante as características artesanais das guloseimas”, explica Rosângela. E as novidades não param por aí. Após investir em pesquisas, a empresária desenvolveu o biscoito com linhaça triturada. Ela identificou que a semente inteira é de difícil digestão e acaba não levando os nutrientes para o organismo.

Não é à toa que a marca Produtos Regionais é líder na região. Posição que Rosângela de Melo faz questão de manter. “Mantenho um trabalho no suporte aos lojistas que revendem minha marca. Faço uma vistoria, sugiro e negocio prateleiras mais vistas e pergunto aos encarregados se eles estão sendo bem atendidos pelos entregadores”, conta.  A fim de melhorar a dinâmica dos pedidos, a empresa ainda está investindo na compra de tablets para os vendedores fazerem o pedido diretamente da loja do cliente.

Dentre os projetos de Rosângela está a expansão das vendas. A ideia é conquistar todo o mercado do Rio Grande do Norte. “Hoje, atendemos cerca de 40 municípios, mas quero chegar aos 167. Sei que isso é possível. Enquanto meus concorrentes estão brigando entre si pelo mercado da capital, estou trabalhando a minha expansão para o interior com tecnologia de ponta”, diz. 

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.