Última edição Edição 262 January 2017 Assine

Ibovespa acompanha perdas em Wall Street e abre sexta-feira em queda

redacao 10/12/2009
redacao 10/12/2009

O clima que já era negativo em Wall Street aprofunda-se com a divulgação de dados em torno do mercado imobiliário norte-americano e, neste contexto, o Ibovespa abre a sexta-feira (17) com queda de 1,67%, a 35.834 pontos.

Pela manhã, a despeito dos bons resultados trimestrais reportados pela Schlumberger e pelo Google, os negócios apontavam para queda, muito em função da trajetória de alta no preço do barril de petróleo, que pesa sobre o desempenho de papéis de companhias automobilísticas e aéreas, de custos atrelados à commodity.

Além disso, o investidor mostrava-se cauteloso quanto à agenda econômica norte-americana prevista para a sessão. Com a divulgação dos indicadores, a cautela transformou-se em um clima tenso de fato. O número de casas em construção nos EUA sofreu forte queda entre os meses de agosto e setembro, muito acima do esperado pelo mercado.

Paralelamente, o Michigan Sentiment, que mede o índice de confiança do consumidor norte-americano, também deve demonstrar expressiva piora na passagem entre setembro e outubro. Nas últimas sessões, indicadores trouxeram números historicamente negativos sobre o nível de atividade econômica nos EUA, reforçando a leitura de que o país caminha para recessão.

Perspectivas

Traçar perspectivas para o rumo do Ibovespa no atual momento de extrema volatilidade é tarefa difícil. "A falta de parâmetros observada nas últimas semanas continua a influenciar as decisões dos players do mercado, mais do que fragilizados pela contínua divulgação de fracos indicadores econômicos mundiais", afirma a equipe da Ágora Corretora.

Nesse sentido, a adoção de uma postura pautada pela cautela segue como principal recomendação pelos analistas, como os da Corretora Spinelli, que cientes das operações do Ibovespa abaixo de suas principais médias móveis, sugerem uma montagem de posições com objetivo no longo prazo.

Papéis em destaque
Dentre os papéis que são negociados nesta manhã, destaque para BMF Bovespa ON (BVMF3, R$ 6,35, -5,22%), Natura ON (NATU3, R$ 17,05, -4,75%), TIM Part PN (TCSL4, R$ 3,70, -4,64%), Usiminas ON (USIM3, R$ 24,35, -4,51%) e Klabin PN (KLBN4, R$ 3,05, -4,09%).

Fechamento anterior

O principal índice da bolsa paulista fechou o pregão de quinta-feira em baixa de 1,06%, atingindo 36.441 pontos e registrando uma baixa acumulada no ano de 42,96%. O volume financeiro foi de R$ 5,43 bilhões.

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.