Empreendedor - negócio criativos, inovadores e rentáveis

EMP 261 site Última edição Edição 261 December 2016 Assine

Laboratório reduz 40% do consumo de energia com soluções sustentáveis

Redação 30/06/2016
laboratorio
Redação 30/06/2016

Sustentabilidade e eficiência energética são marcas registradas do complexo industrial do Laboratório B. Braun, localizado em São Gonçalo, no Estado do Rio de Janeiro. A arquitetura do complexo aproveita ao máximo a luz solar e a ventilação natural, gerando uma redução de 40% no consumo de energia em ambientes internos e de 35% em ambientes externos.

O projeto do parque fabril, assinado pelo arquiteto45- Siegbert Zanettini, recebeu investimento de R$ 346 milhões. O trabalho que envolveu uma equipe multidisciplinar da B. Braun e parceiros contratados, teve como desafio encontrar as melhores soluções sustentáveis sem comprometimento do cronograma físico e financeiro, viabilizando o sucesso do projeto. O empreendimento seguiu os mais altos padrões de qualidade e princípios de ecoeficiência, atendendo também conceitos arquitetônicos contemporâneos, com espaços humanizados, sustentáveis e de alta tecnologia.

Com proposta inovadora, o novo parque foi concebido com base nos conceitos da filosofia Lean. Trata-se de uma prática que permite a otimização dos processos, eliminando desperdícios, trazendo para a empresa resultados diretos na redução dos custos de produção e na rápida resposta para atender à demanda do mercado. Foram adotadas ainda medidas que oferecem um alto grau de proteção contra riscos diversos, tais como inundações, acidentes, vendavais, incêndios, etc.

Todas as instalações serão conduzidas conforme as premissas de construção sustentável do Green Building Council. Trata-se do primeiro parque industrial do mercado de saúde com certificação padrão ouro do LEED (Leadership in Energy and Environmental Design).

O Centro é o primeiro passo da empresa na realização do planejamento estratégico desenvolvido para garantir a sustentabilidade da companhia e também continuar a impulsionar o desenvolvimento do Brasil. Cerca de 600 pessoas trabalharam durante o período de construção. Nenhum acidente transcorreu durante este período, ainda que mais de 30 empresas tenham trabalhado no projeto.

 

Reconhecimento

Com o objetivo de homenagear empresas fluminenses que se destacam em práticas voltadas ao meio ambiente, entre elas a gestão ambiental e o desenvolvimento sustentável, o sistema Firjan realizou em junho a 4ª edição do Prêmio Firjan de Ação Ambiental. O Laboratório B Braun foi reconhecido na categoria Gestão de Gases de Efeito Estufa e Eficiência Energética pela construção de um Armazém Logístico em Guaxindiba, São Gonçalo (RJ). O projeto é considerado um dos maiores armazéns do País, destinado a produtos farmacêuticos.

O complexo também foi reconhecido pela certificação internacional LEED (Leadership in Energy and Environmental Design), categoria Ouro. A gratificação é reconhecida em 143 países como selo de sustentabilidade em projetos e obras. “É muito importante para nós ter esse reconhecimento, por mostrar que projetos sustentáveis são viáveis e que esta é a coisa certa a se fazer”, declarou Claudio Carrano, diretor industrial da B. Braun.

Para receber a certificação LEED, é preciso ter pontuação superior a 40, em um processo de avaliação do GBC (Green Building Council-Brasil), que leva em conta oito quesitos. O nível do selo de certificação (básico, Silver, Gold ou Platinum) é determinado pela pontuação total obtida. Cada quesito tem um peso diferente na avaliação e os pontos para a busca da certificação desse projeto foram conquistados por meio da priorização dos mais altos níveis de qualidade e sustentabilidade, incluindo medidas para redução do impacto ambiental durante a construção, a economia de recursos naturais e a oferta de condições ideais de uso para seus colaboradores.

Presente em mais de 60 países, o grupo B. Braun está no Brasil há mais de 40 anos. Multinacional alemã, uma das líderes no segmento médico-hospitalar, conta com um portfólio de mais de cinco mil produtos e 120 mil artigos vendáveis, juntamente com serviços voltados à assistência e à segurança dos pacientes e a programas educacionais com foco na área médica.

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.