Última edição Edição 262 January 2017 Assine

O que esperar do agronegócio em 2012?

redacao 31/01/2012
redacao 31/01/2012

A confiança no agronegócio brasileiro está alta, e não é por menos, já que o país sustenta o apelido de “celeiro do mundo”, devido a sua grande abrangência de exportação de produtos do campo. Para se ter uma ideia da boa fase, o PIB (Produto Interno Bruto) do agronegócio, que caiu 5,51% em 2009 em razão da crise mundial, saltou para 7% em 2010, segundo a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). Em 2011, o PIB do agronegócio brasileiro cresceu 6,12%, totalizando R$ 822,9 bilhões.

A Husqvarna, multinacional sueca líder em equipamentos para o manejo de áreas verdes, está de olho em três importantes setores do agronegócio: o campo, pela sua potência em oferecer produtos de qualidade para o país e para o mundo; o plantio e manejo de árvores, por ser um dos maiores setores em expansão, que atua como segunda fonte de renda para os produtores rurais e abastece mercados importantes, além de ser o reflorestamento um meio de preservar as florestas nativas; e os trabalhos em jardins residenciais, já que a empresa sempre esteve atenta às tendências de paisagismo, disponibilizando para o usuário doméstico conforto e produtividade ao cuidar do seu jardim.

Crescimento no campo

No agronegócio iremos focar no promissor setor de alimentos, já que, no cenário mundial, a produção precisa crescer 20% nos próximos dez anos para dar conta da demanda. No segmento cafeeiro, por exemplo, a Husqvarna oferece o Kit Café, composto por equipamentos de alto desempenho e facilidade no manuseio, ideais para profissionais que buscam produtividade no processo de plantio, colheita e manejo do café. Em 2012 a Husqvarna reforça a sua linha com produtos de alta tecnologia para oferecer o que há de melhor aos produtores rurais, para a manutenção das áreas verdes de suas propriedades.

Florestas plantadas: uma solução inteligente

Um dos últimos boletins da Associação Brasileira de Produtores de Florestas Plantadas (ABRAF) afirma que a área de reflorestamento de eucalipto apresentou um forte crescimento no Brasil, chegando a 32,3% em 2009. E de olho neste cenário, encontramos oportunidades para a expansão de vendas de nossos equipamentos que são referência em manejo de áreas verdes.

A força dos jardins

A temporada de jardim, que começou em setembro de 2011 e se estende até, pelo menos, março de 2012, será motivo para iniciarmos o ano com enfoque na divulgação de nossos aparadores de grama, roçadeiras, cortadores de grama, podadores de cerca-viva, sopradores, ou seja, a solução completa para os cuidados com o jardim.

Além disso, uma de nossas principais metas para este novo ano é conquistar novos clientes e fortalecer laços com aqueles que já possuímos. Para isso, traremos para o Brasil, assim como fizemos em 2011, produtos com as características que só a Husqvarna consegue oferecer: alta tecnologia, fácil manuseio, potência e leveza.

O que esperar de 2012?

Iniciaremos o ano com visão em desenvolvimento de vendas e mercado, respeitando as peculiaridades de cada região e maximizando oportunidades que fortaleçam a marca Husqvarna. Investiremos em novos nichos de mercado, acreditando na qualidade de nosso portfólio de produtos para diversas aplicações no país e no mundo, buscando sempre agregar valor a nossa marca e honrar a liderança que temos mundo afora.

Nossa equipe mundial está em sintonia. Trabalhamos todos engajados em um mesmo compromisso: oferecer produtos com as melhores tecnologias que atendam e superem as expectativas do mercado do agronegócio, reflorestamento e manejo de áreas verdes em geral.

André Lobo Faro é Gerente Nacional de Vendas da Husqvarna, líder no fornecimento de equipamentos para o manejo de áreas verdes.

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.