Empreendedor - negócio criativos, inovadores e rentáveis

EMP 261 site Última edição Edição 261 December 2016 Assine

Práticas sustentáveis resultam em maior rentabilidade

redacao 17/07/2013
redacao 17/07/2013

Reduzir custos operacionais, evitar notificações de órgãos ambientais, diminuir o desperdício de insumos e matéria-prima, melhorar a imagem da empresa no mercado, tornando-a mais competitiva. Esses são alguns benefícios resultantes das práticas de sustentabilidade nas empresas.

O programa Sebrae de Sustentabilidade Empresarial tem como objetivo elaborar, implementar e monitorar soluções para contribuir na introdução de práticas sustentáveis nas micro e pequenas empresas de Mato Grosso, com foco em eficiência energética, gestão de resíduos, ecodesign e negócios sustentáveis. É destinado a empresários do setor da indústria, comércio, serviços e do meio rural, incluindo e microempreendedor individual (MEI), micro e pequena empresa e produtor rural. É composto por soluções diferenciadas e complementares que se integram e capacitações, consultorias e eventos técnicos para tornar as empresas mais competitivas e sustentáveis.

José Valdir Santiago Júnior, líder da Unidade Indústria do Sebrae em Mato Grosso e gestor do programa de sustentabilidade, destaca que eficiência energética e gestão de resíduos são dois pontos que recebem especial atenção por serem os pilares de trabalho do Centro Sebrae de Sustentabilidade (CSS).

Para apresentar algumas soluções do programa, o Sebrae no estado organizou palestras sobre como lucrar com práticas sustentáveis, voltadas para empresários da indústria. Nessa segunda-feira (15), Alberoni Leal Moura falou sobre Como reduzir o desperdício e gerar lucros. Já nesta terça-feira (16), Márcio Américo apresenta a palestra Como reduzir custos com energia elétrica e gerar lucros.

Alberoni apresentou o programa 5 Menos que são Mais, que exige mudanças de atitudes, exercício de gerenciamento ambiental responsável e implica ainda em avaliação de procedimentos e opções tecnológicas. Consiste em utilizar menos água, energia, matéria-prima, lixo e poluição – atitudes que vão resultar em mais lucro e competitividade, satisfação do consumidor, produtividade e qualidade ambiental. Ele lembrou que é preciso começar com atitudes simples como eliminar uma torneira pingando ou apagar as luzes. “Em uma empresa, sempre vai haver sobras, mas é preciso que ela seja aceitável, é preciso minimizar os resíduos e diminuir os desperdícios”, constata.

As duas palestras foram seguidas de apresentações de casos de sucesso da empresa goiana Água Pura e da mato-grossense Prillav lavanderia, de Rondonópolis. Carlos Eduardo Borges Barbosa, gerente de produção da Água Pura, de Bela Vista de Goiás, que produz 120 mil garrafões de água por mês, conta que a empresa adotou o programa 5 Menos que são Mais e introduziu uma nova forma de lavar os garrafões, aproveitando melhor a solução alcalina, o que resultou em uma economia de R$ 6,6 mil por ano. “O ganho não foi só financeiro, reduzimos o consumo de água em cerca de 600 litros e do material químico usado na lavagem”, constata.

Lavandarei sustentável

Já Paulo Roberto Teixeira Gomes, da Lavanderia Prillav, com sede em Rondonópolis e filiais na cidade e em Cuiabá, apostou em tecnologia, investindo em equipamentos importados e em atitudes pioneiras, como o uso de exaustores eólicos, secagem das roupas aproveitando o sol e vento naturais, dosadores automáticos, comandos eletrônicos, produtos biodegradáveis, reutilização de sacolas e cabides. Tudo isso tornou sua lavanderia a primeira sustentável do estado, além de representar uma economia mensal de 8,5% de água e energia elétrica.

De acordo com o relatório do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma), muitas indústrias estão melhorando suas práticas de sustentabilidade a fim de proteger suas posições dentro das cadeias. Prova disso é o aumento de 1.500% na ISO 14001, de sistemas de gestão ambiental, entre 1999 e 2009.

Informações Agência Sebrae

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.