Fim de ano: conheça o balanço de 19 redes de franquias para 2017 e os planos de expansão para 2018

Redes de franquias como Fórmula Animal, Manias de Passar e Snack Saudável avaliam o ano que se encerra e apresentam seus planos de sucesso para breve

Portal Sua Franquia 27/12/2017
Portal Sua Franquia 27/12/2017

Confira o desempenho de 19 redes de franquias ao longo dos últimos meses e os planos de crescimento para 2018.

1 – MoveEdu

Em junho deste ano, o então Grupo Prepara anunciou a aquisição de três marcas consolidadas de cursos profissionalizantes – Microlins, People e SOS. Desta forma, nasceu a MoveEdu, franqueadora que passou a deter a maior rede de cursos profissionalizantes do mundo.

Hoje, a rede comanda 1,2 mil unidades de franquias, divididas entre sete marcas diferentes, com quase meio milhão de alunos matriculados em unidades por todo o Brasil. Com isso, a expectativa para 2018 é de expandir para cidades onde ainda não estão presentes e melhorar o método de ensino e portfólio de
cursos, a fim de atender cada vez melhor o público.

2 – Toureg Seguros

A Toureg Seguros registrou um aumento em seu faturamento de 7%, de janeiro a setembro de 2017. Dessa forma, a marcas acredita que 2018, será um ano de grande crescimento para sua rede, com a comercialização dos mais diversos ramos de seguros.

“O seguro de transporte e a comercialização de seguro de vida e de planos de saúde regionais ajudarão a atingir a meta do crescimento da receita em 20% em 2018”, explica o vice-presidente comercial, Luiz Villar.

3 – Piticas

Para a Piticas, 2017 foi um ano que começou com um recuo nos primeiros dois meses, mas que logo após, em março, já apresentou o começo de uma reação consistente, que manteve até o final do ano. Sendo assim, a marca tinha planejado um crescimento de 6-8% no ano, entretanto conseguiu atingir 18% até agora, ou seja, muito acima do esperado.

Em 2018, a rede espera o melhor ano da história da empresa, com um crescimento planejado de 20% ano sobre ano, além de a abertura de 120 novas unidades, sendo algumas delas internacionais. No ano que se inicia a empresa investirá também na inovação da linha de produtos, sendo que já está planejada uma nova linha de pijamas, uma linha exclusiva de acessórios, além de uma linha assinada por um artista renomado de colecionáveis.

4 – Orthodontic

Segundo Fernando Massi, da OrthoDontic, rede de franquias especializadas em ortodontia, o crescimento do faturamento da marca em relação ao mesmo período no ano passado foi de 16%, acima da média projetada pela ABF. Até o momento, a franqueadora possui 197 unidades, 34 vendidas no ano de 2017. A expectativa é de que 45 novas unidades sejam comercializadas em 2018.

O ano de 2017 também proporcionou um salto no que tange o desenvolvimento de tecnologia à serviço do cliente e também do franqueado. “O nosso negócio é feito de pessoas e para pessoas, o paciente merece um atendimento eficiente e humanizado. Acreditamos que a longevidade é garantida quando o relacionamento com o cliente é tratado como prioridade”, indica Massi.

5 – Suport Smart

A Suporte Smart é um centro técnico especializado em Apple e grandes marcas. “A demanda por serviços em 2017 cresceu de uma forma assustadora, precisei contratar mais atendentes, mais técnicos, o faturamento dobrou. Até o início do ano tínhamos 4 unidades, o ano nem terminou e já contabilizamos
18 franquias”, comenta Guylherme Ribeiro, fundador da Suporte Smart.

Com o padrão de resolver 90% dos problemas técnicos em até 40 minutos, além de 60 tipos diferentes de serviços no catálogo e disponibilidade de fazer uma espécie de delivery de celular, a microfranquia tem a expectativa é de chegar a 60 lojas em 2018.

6 – Super Estágios

Segundo os fundadores da Super Estágios, rede de franquias de estágios, o ano de 2017 foi excelente. Com uma meta de vender 10 franquias, a rede teve um primeiro semestre fraco, onde vendeu apenas 1 unidade. Porém, na segunda metade do ano, venderam 7 novas unidades.

A rede continua com a meta de 10 franquias para vender até o final do ano. Para isso, uma das inovações da Super Estágios é um aplicativo destinado a diferentes perfis, no caso, para os estagiários, os empresários e os franqueados. Para 2018 a rede prevê fechar mais 12 novas unidades.

7 – Bella Capri

A rede de pizzarias Bella Capri teve um crescimento real em 2017 de 23 % em vendas da empresa. Na comparação com 2016, representa um crescimento 3% acima e, em relação ao planejado, ficaram 1% acima.

“O ano de 2017 encerra com números muito positivos. Crescemos 30% acima da expectativa em número de lojas comercializadas. O objetivo inicial era ter 20 lojas em operação ou comercializadas. Chegamos a 20 lojas em operação e mais seis lojas em fase de implantação. Em 2018 inauguraremos no primeiro
trimestre 6 novas lojas”, comenta Guto Covizzi, diretor da marca. Dessa forma, pretendem fechar o ano de 2018 com 40 lojas comercializadas e 34 abertas.

8 – Mr. Fit

No ano de 2017, o Mr. Fit superou as suas próprias expectativas, com um aumento de quase 65% no faturamento das unidades. E, como o ano ainda não acabou, a marca possui um planejamento de mais de 30 novos contratos até o fim ano de 2017. A rede pretende encerrar o ano com 44 novas unidades por todo o Brasil.

9 – WikiMaki

No início do ano a expectativa da Wikimaki, rede de comida japonesa, era de queda de vendas em relação a 2016, na faixa de 8%. “Na prática vamos fechar o ano levemente acima de 2016. Percebemos que o mercado está reagindo e que os ajustes realizados internamente surtiram efeito”, diz Henri Pera Santos, um dos sócios da rede.

Em relação a vendas, a empresa está 10% acima do planejado. “Com relação a abertura de novas unidades, nosso plano previa a abertura de uma nova unidade e fechamento de 3 contratos de franquia. Abrimos a nova unidade em Curitiba e temos dois contratos na região Sul do país. Estamos trabalhando no fechamento do último contrato da meta do ano”, comemora Santos.

10 – Petite Amie

Para a Petite Amie, rede do ramo de alimentação, o ano de 2017 foi de muitas parcerias e aprendizados. O crescimento da marca se teve como o planejado, chegando a meta de 30%.

“O ano de 2018 vem com tudo, pretendemos chegar a meados no próximo ano com 10 novas franquias. Para isso, vamos apostar em inovação, novas tecnologias, novos pratos e um cardápio fitness na linha sem glúten e sem lactose está chegando”, conta a dona da rede Petite Amie.

11 – Multicoisas

Em 2017, a rede Multicoisas conseguiu crescer 8,5%, dentro do plano projetado para este ano. “Estamos dentro do plano de vendas projetado para 2017, devido as diversas ações de vendas associada a fidelização de clientes que realizamos. E também às nossas campanhas regulares em busca de melhorias de resultados”, aponta Waldiney Lima, diretor de operações e expansão da marca, que tem a expectativa de crescer 13% em 2018.

12 – Master House

Segundo Allan Comploier, diretor de operações da Master House Manutenções e Reformas, rede de franquias especializada em serviços como alvenaria, elétrica e manutenção predial, 2017 foi um ano muito bom para realizar investimentos, principalmente em pesquisa e desenvolvimento.

“O segmento de manutenção e reformas não sentiu a crise como outros ramos. Os clientes que deixaram de comprar imóveis novos e optaram por reformar suas residências”, compartilha Comploier.  A expectativa da Master House é encerrar o ano de 2017 com crescimento de mais de 150% ante 2016. Para 2018, o objetivo é atingir a marca de 120 unidades.

13 – Calçados Bibi

Até outubro de 2017, a rede de calçados Bibi registrou um crescimento de 24% na rede e 11% nas mesmas lojas, crescimento este maior do que o projetado que era de 20%. A expectativa de crescimento na rede para 2018 é de 25%.

Até o final do ano vão inaugurar o total de 18 lojas em 2017, já a projeção para 2018 é abrirem 25 lojas. O foco da rede é toda a região Sudeste do Brasil e também há planos de aprofundar ainda mais a expansão no mercado internacional.

14 – Snack Saudável

“O desempenho de 2017 superou as expectativas. Tínhamos uma projeção de chegar até 25 unidades e certamente chegaremos próximo a casa das 30 unidades. Foi um ano muito desafiador também, porque foi nosso primeiro ano de expansão”, esclarece Larissa Souza dos Santos, diretora da Snack Saudável.

A rede de franquias atua num nicho de mercado pouco explorado, o que os leva a ser pioneiros em todos os desafios. “Temos 10 unidades em funcionamento que caminham dentro da projeção e outras 10 unidades em fase de implantação com projeção para inaugurar na volta às aulas do próximo ano. Temos mais oito candidatos evoluindo para fechamento de contrato até o fim de dezembro”, aponta Santos.

15 – Sterna Café

O Sterna Café soma atualmente 14 lojas em funcionamento, 8 delas inauguradas em 2017 e expectativa de chegar há 20 ainda esse ano, incluindo o Sterna Bistrô, primeiro restaurante da rede. Até setembro, foram contabilizados 218 mil atendimentos e faturamento superior a 3,5 milhões de reais, números
4 vezes maiores do que os de 2015, ano da fundação. Para 2018, a meta é chegar a 40 unidades e expandir a rede para shoppings e outros estados brasileiros.

16 – Mania de Passar

“Por conta do processo de aceleração que passamos, a marca conseguiu potencializar o negócio e a gestão do crescimento, passando de 5 unidades a 59 unidades em todo o Brasil em apenas 10 meses. Nossa meta é chegar a 125 unidades até o final de nosso primeiro ano de operação no franchising em
fevereiro de 2018”, comenta Claudio Augusto, da Mania de Passar.

17 – Fórmula Animal

“2017 foi um ano excelente! Havíamos projetado o crescimento de cinco novas unidades, número alcançado em 2016, mas conseguimos dobrar esse número de unidades contratadas. Também tivemos crescimento no desenvolvimento das unidades já existentes com aumento de faturamento em todas as nossas lojas”, aponta Marcelo Piazera, sócio-fundador da Fórmula Animal. A rede de farmácias de manipulação animal, que chegou a 27 unidades em 2017, planeja chegar a 35 unidades em 2018, sendo que uma unidade fora do país.

18 – 5 à sec

Em um ano difícil, o crescimento da 5 à sec em relação em 2016 está em linha com esperado (+3,5%) no faturamento. Com relação a abertura de lojas, serão 20 novas unidades até dezembro de 2017. Para 2018, a expectativa é voltar a crescer junto com o mercado, representando um aumento de faturamento na casa dos 4% com abertura de 17 novas franquias. O foco será consolidar os projetos lançados em 2017 (E-commerce, CRM e Wizville), além de estudar novas tendências de mercado.

19 – Giraffas

A rede de restaurantes Giraffas, rede de franquias de alimentação, teve resultados positivos em 2017. A companhia já inaugurou 23 unidades e pretende abrir mais duas até o fim do ano, com expectativa de faturamento de R$ 685 milhões. “Para 2018, nossa perspectiva é crescer 7% e inaugurar 30 novas
lojas no País. O objetivo é fortalecer a nossa rede cada vez mais”, afirma Carlos Guerra, CEO da rede Giraffas.

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.