Última edição Edição 262 January 2017 Assine

Solteiros movimentam R$ 418 bilhões por ano, mostra estudo

redacao 15/06/2011
redacao 15/06/2011

Os 47,1 milhões de solteiros que existem no Brasil movimentam R$ 418 bilhões por ano, conforme revela estudo divulgado nesta segunda-feira (13) pelo Instituto data Popular. Conforme a pesquisa, feita com base nos dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio 2009 (Pnad) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), os solteiros correspondem a 36,6% da população do país e têm idade média de 32 anos.

Ainda de acordo com a pesquisa, 8% dos solteiros moram sozinhos.

No estudo, o Data Popular considera solteiros os maiores de 18 anos que não se casaram; viúvos e divorciados não estão incluídos.

46,3% do total de gastos são de solteiros da classe C, a nova classe média brasileira. Somados, os gastos dos solreiros das classes C, D, e E chegam a R$ 252,6 bilhões, 60% do total.

Jovens da classe A movimentam R$ 75,6 bilhões por ano e, da classe B, R$ 90,5 bilhões.

O norte é a região do país com a maior proporção de solteiros, que chegam a 50,4%; no nordeste, a fatia de solteiros é de 41,2% da população; no centro-oeste, 40,1%; 33,5% no nordeste e 31,6% no sul.

Homens X mulheres

Entre os 8,1 milhões de solteiros da classe AB, os homens são maioria e respondem por 51%. As mulheres são minoria também em meio aos 23,6 milhões de solteiros da classe C, onde elas são 47%. A maioria feminina solteira só é observada nas classes D e E, onde elas são 58%.

 

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.