Empreendedor - negócio criativos, inovadores e rentáveis

EMP 261 site Última edição Edição 261 December 2016 Assine

Marcelo Golfieri

Cata-Vento é hoje a maior franquia de buffets infantis, com 31 unidades espalhadas em dez estados e ainda não parou de diversificar suas atividades

Por Redação 13/09/2016
buffet_infantil
Por Redação 13/09/2016

Quando começou a alugar equipamentos de som para festas nos anos 80, Marcelo Golfieri não poderia imaginar que estava fazendo parte da criação de um novo nicho de mercado: os buffets infantis. No início ele levava os aparelhos até a casa dos clientes e sua esposa, namorada na época, oferecia decoração. Logo percebeu que o transporte era trabalhoso e poderia danificar o material, e mais que isso, viu na união desses elementos uma oportunidade de negócio e teve a ideia de abrir um lugar com sistema de som e decoração para que as pessoas pudessem alugar para eventos.

Era 1989 quando criou o primeiro buffet que contava com o equipamento de som, decoração e karaokê. Dois anos depois, foram somados piscina de bolinhas e videogame e, assim nasceu, em 1991, a primeira unidade do Buffet Cata-Vento. A partir daí os negócios não pararam mais de crescer e, atualmente, a rede é considerada a maior franquia de buffets infantis do Brasil, com 31 unidades espalhadas em dez estados. “Nos tornamos uma das principais referências do mercado e, por isso, inovadores e criadores de tendências. Além disso, a excelência e qualidade da entrega feita aos clientes que compram festas torna a marca cada vez mais forte e reconhecida no mercado”, acrescenta Marcelo Golfieri, criador e diretor da rede.

A expansão e crescimento se devem não só pela solidez do negócio, mas também pela diversificação. Marcelo planejou toda uma estrutura para atender às demandas da rede. Para ter padrão e segurança alimentar, criou uma fábrica que fornece salgados para todas as unidades. Também investe no desenvolvimento atrações exclusivas, além de uma fábrica de brinquedos focada em atender os buffets Cata-Vento. Além disso, criou três modelos de negócios de franquia, para que pudessem atender desde as pequenas cidades do interior até os grandes centros urbanos.

Apesar de toda estrutura e experiência, Marcelo sabe que é preciso se renovar constantemente. Por isso, investe em outros formatos de eventos como Corporativos, Chá de Revelação, Chá de Bebê e o Dia da Diversão, no qual o buffet se transforma em um parque indoor, aberto ao público.

Fábrica de Salgados

Um dos pilares de sucesso dos eventos é oferecer comida de qualidade. Por isso a Rede criou a ‘Todo Sabor’, fábrica que produz 15 mil salgados por dia, com alta tecnologia, rigoroso sistema de qualidade e que atende aos variados gostos que vão desde a tradicional bolinha de queijo até salgados integrais. Além de fornecer salgados à toda a Rede Cata-Vento, a fábrica produz os produtos para empresas de ponta como o hotel Meliá e Hilton, em São Paulo.

Desenvolvimento de brinquedos – TecnoBrinQ

Entender que as atrações eram parte importante no sucesso de um buffet fez com que a Rede investisse na TecnoBrinQ, hoje, uma das maiores fábricas de brinquedos do país, e que está dedicada com exclusividade às unidades Cata-Vento. A TecnoBrinQ tem em seu portfólio diversos brinquedos todos dentro do mais rigoroso padrão da ABNT.

O mais recente lançamento foi o Transfer, atração que possibilita ao espectador a sensação de cenário/ambiente virtual em 3 dimensões com alto grau de realismo, o que é conseguido por meio de um visor que projeta a imagem em frente aos olhos e acompanha os movimentos da cabeça, efeito que é intensificado com os movimentos realizados pela cadeira onde o espectador está.

Universidade da Diversão

A divisão nasceu com o objetivo de ajudar pessoas e empresas a abrirem e profissionalizarem seus buffets.  Hoje, dedica-se exclusivamente a Rede de buffets Cata-Vento e é responsável pelo treinamento e qualificação de franquias e colaboradores em todas as posições, garantindo a qualidade no atendimento e no padrão construído ao longo desses mais de 25 anos.

Modelos de Franquia

Atualmente, a Rede possui três modelos de franquia, que tem tamanhos e valores distintos que se adequam as diferentes regiões e necessidades. O modelo menor exige um espaço de 300 metro quadrados (m²) a 500m², a intermediária varia de 500 m² a 800 m², enquanto a maior segue a partir dos 800 m².

O investimento médio para a abertura de uma unidade é de R$ 1 mil reais por metro quadrado, mais a taxa de franquia de R$ 150 mil. Com previsão de retorno de investimento de 24 a 36 meses, a margem de lucro chega a 30% do faturamento.

“Procuramos por pessoas que tenham afinidade com o setor de festas ou identifiquem uma boa oportunidade de negócio em sua cidade. Cidades com mais de 100 mil habitantes tendem a ter melhores resultados. Entretanto, dependendo da demanda de cada cidade e do poder aquisitivo de sua população não descartamos cidades com um menor número de habitantes”, explica Marcelo.

Apoio ao empreendedor

Devido ao seu alto grau de profissionalismo, a Rede de Buffets Cata-Vento tem o apoio do Banco do Brasil e está inserida no programa BB franquia. Isso significa que, interessados em abrir uma unidade do buffet, têm o apoio do banco que disponibiliza até R$ 1 milhão para investimento através do PROGER (Programa de Geração de Emprego e Renda do FAT), com carência de 1 ano e juros bastante convidativos.

Novos negócios

Embora a maior parte dos eventos realizados nos buffets sejam de festa de aniversários, a Rede Cata-Vento carrega um DNA inovador, e entende que onde há integração da família, pode-se envolver o buffet. Por isso os espaços são procurados para eventos como Chá de bebe e Chá de revelação. As unidades sediam ainda eventos corporativos, que vão desde festas de final de ano de empresas até lançamentos de marcas e empreendimentos.

“As festas infantis ainda representam a maior fatia do mercado, porém cada vez mais, os buffets vem se tornando espaços para diferentes tipos de eventos, festas de adultos, festas e eventos empresariais, a festa compartilhada (modalidade onde mais de um aniversariante comemora a festa no mesmo dia e horário), chá de revelação, além de eventos de moda infantil e lançamentos de produtos para as mães e crianças”, ressalta Marcelo.

Outra novidade que a Rede apresentou foi o Dia da Diversão: um dia em que o buffet abre as portas, mediante ingresso, para receber as famílias e se transforma em um parque Indoor. Algumas vezes eles são temáticos – como a Festa de Carnaval -, outras em dias de jogos de futebol – enquanto o pai assiste ao jogo, as crianças se divertem.