Empreendedorismo feminino tem um crescimento de 40% no último ano

CEO da Alpes Mídia compartilha sua trajetória e fala sobre o surgimento da empresa

Empreender é um desafio muito grande, principalmente para as mulheres. Algumas delas ainda enfrentam preconceitos em empresas que desconfiam de mulheres em cargos de liderança. Todavia, já é possível perceber as inovações que estão transformando não só a vida das mulheres, mas o mundo de maneira geral.

A CEO da Alpes Mídia, Ornella Lavratti é graduada em turismo e hotelaria pela Univali de Itajaí, pós graduada em marketing pela USP, e possui 10 anos de experiência com agência de publicidade. Confira a entrevista:

Como você entrou no mundo do empreendedorismo?

Em 2011, quando ainda trabalhava na Embratel, conheci Silvio Sauerbier, que virou meu parceiro CEO da Alpes Mídia. Nesse mesmo ano, Silvio resolveu abrir sua própria agência, já que trabalhava há mais de 10 anos comprando mídias no país todo. Foi quando ele viu em mim uma liderança feminina subestimada, mas finalmente devidamente valorizada.

O início foi difícil?

No princípio tive um pouco de receio, pois estaria deixando uma empresa grande para trabalhar em uma agência recém iniciada, para ganhar menos de 1/3 do que ganhava na Embratel. Contudo, ao conhecer melhor sobre o Silvio e sua trajetória na publicidade, me encantei pelo negócio. Como já tinha experiência de 5 anos na área comercial e uma formação totalmente diferente, pude fazer uma leitura distinta de quem já estava na área de publicidade. O empreendimento se iniciou com o nome de Js Marketing, e logo foi alterado para MÍDIA S.O.S, escolhido com o intuito de prestar um socorro às empresas que precisavam faturar, mas dependiam de mídia. A proposta de ser sócia veio após eu retornar de São Paulo, quando fui em busca da minha pós graduação.

Neste período é que você resolveu empreender?

Foi nesse momento que iniciei minha trajetória como empreendedora. Em 2018, nos tornamos sócios e decidimos nos especializar mais ainda em mídias de resultado imediato. Com um estudo apurado em cima de monitoramento de resultado, nós descobrimos que tinham mídias que conseguiam converter mais em vendas de cartão de crédito do que outras. Nossos clientes precisam vender no cartão e no mesmo dia em que investem na mídia, ou seja, não temos margem para erro. Isso nos fez criar uma aptidão para farejar mídia e trocá-las, caso necessário, numa rapidez capaz de não provocar prejuízo.

Quais os desafios?

Após a transformação de identidade de marca, a Mídia S.O.S passa a ser conhecida como Alpes Mídia, com o objetivo de levar a sua empresa a escalar lugares em que poucos têm conhecimento para chegar. Com um investimento inicial de 30 mil reais, e um faturamento médio de 400 mil por mês, a agência atingiu um patamar de crescimento exponencial (de 60%) em meio a pandemia de Covid-19.  Por fim posso dizer que continuamos nessa luta que nos absorve bastante, é trabalhosa e muito arriscada também, mas graças a Deus temos conseguido bons resultados por isso nossa agência cresce ainda mais.

 

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Você também vai gostar de: