Aprenda a transformar a crise em oportunidade

Momentos de crise no mercado abrem novas frentes; alternativas inovadoras podem ser a solução ideal

Redação 04/02/2015
Redação 04/02/2015

O ano de 2015 será difícil para os brasileiros, o que não é novidade. A conturbada disputa eleitoral em 2014 para a presidência da República e o atual momento econômico de instabilidade abriram alguns precedentes de incertezas sobre o futuro do Brasil.

Desde a escolha da nova equipe econômica, o governo tem feito ajustes na tentativa de conter o consumo e segurar a alta da inflação. Medidas são tomadas, como cobrança de tributos em operações de crédito, aumento de taxas sobre combustíveis e ajuste da alíquota do PIS/Cofins sobre a importação, impactando diretamente na vida dos brasileiros e, consequentemente, nas empresas.

Como o nosso país deve caminhar neste ano que começa? Quais são os remédios para enfrentar o pessimismo do ano que está iniciando? Quais as maneiras de se reinventar em meio ao caos? Segundo o mestre em Economia e diretor da Parcon Consultoria, Pedro Parreira, podemos aproveitar as oportunidades que a crise oferece. “São nesses momentos de crise, dificuldade financeira ou mesmo de falta de perspectiva, que devemos ficar atentos ao que realmente sentimos e às saídas que a vida nos mostra. Às vezes, as oportunidades ficam ocultas pela nossa inércia, pela desesperança ou até mesmo pelo medo.”

A crise pode ser encarada como uma porta para a autodescoberta, para o autoconhecimento à medida que somos forçados a buscar soluções, rever posições, arriscar e inovar. “Duas coisas fazem as empresas crescerem nos dias de hoje, diante de crises ou não: um produto inovador ou uma gestão inovadora. Anos de ajustes são anos de oportunidades”, afirma Parreira.

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.