Casa do Construtor aposta em revolução tecnológica para operação no “novo normal”

Redação 08/08/2020
Redação 08/08/2020

A pandemia de coronavírus está causando profundas transformações comportamentais, sociais e econômicas em todo o mundo. Mas o que para muitas empresas se apresentou como uma crise sem precedentes, para outras se transformou no estopim para verdadeiras revoluções na forma de trabalho das equipes e nos sistemas de atendimento aos clientes.

Para a Casa do Construtor, maior rede brasileira de franquias especializada na locação de máquinas e equipamentos de pequeno porte para a construção civil, a pandemia foi o momento de uma verdadeira virada tecnológica. Com a necessidade de isolamento social para evitar a disseminação do vírus, a empresa implantou diversas ferramentas visando fortalecer o contato virtual com seus clientes, conexão que deve se tornar ainda mais relevante e facilitar as locações no chamado “novo normal”.

Locamus, o braço direito do vendedor

Uma das inovações implementadas na rede foi o Locamus, aplicativo que auxilia os vendedores, agilizando a solução do problema do cliente na procura do equipamento adequado para sua obra. O app pode ser usado no celular ou tablet e futuramente, deverá ser utilizado também em totens de autoatendimento.

O Locamus possui um cadastro inteligente, que verifica as informações dos consumidores junto às bases de um Bureau de informações do Governo Federal, com o objetivo de verificar se o CPF ou CNPJ informado é válido e se as informações prestadas pelo cliente são iguais às existentes no Bureau. Também é combinada ao uso de biometria facial, para o cadastro de pessoa física, medida é fundamental no sentido de prevenir fraudes nas locações.

Conectado às bases de dados de cada loja, o Locamus transfere todos os dados relativos a cotações e locações para o servidor geral da empresa. No aplicativo, o vendedor encontra informações sobre os equipamentos, seu uso e sua disponibilidade – na busca, os equipamentos podem ser filtrados de várias formas, como categorias de serviços ou produtos com alta demanda no momento e ainda apresenta funções como a geração automática do contrato de locação dos equipamentos, salvando-o diretamente nos servidores da Casa do Construtor.

Além disso, permite à loja acompanhar todas as cotações e movimentações realizadas pelo mesmo cliente, e conta com uma calculadora de andaime (ferramenta criada a pedido dos franqueados para calcular quantidade de torres a serem locadas em cada caso).

O Locamus, também oferece a possibilidade de escolha da melhor forma de entrega dos equipamentos, permite acrescentar dados das obras e tem integração com WhatsApp para o envio de cotações. O app está sendo utilizado, em forma de projeto-piloto, em 23 unidades da rede.

Lino, chatbot que traz facilidade ao cliente

Outra opção para quem não pode ir à loja pessoalmente – situação de grande parte das pessoas durante a pandemia – é o Lino, um chatbot  que realiza o cadastro do cliente sem a interferência do vendedor. Enquanto o consumidor conversa com o chat, repassando seus dados para a locação, as informações são transferidas para o servidor da empresa, agilizando a análise e aprovação cadastral. Atualmente, o Lino já é utilizado por 196 das 280 lojas da rede no país.

Vitrine digital e business intelligence

Pensando no Facebook e na facilidade de contato com os clientes pessoas físicas, a Casa do Construtor criou o Alugue na Casa, uma vitrine digital que pode ser utilizada nos impulsionamentos realizados por cada franqueado. Na página, o cliente clica em “reservar agora” e é direcionado para o Whatsapp do time de vendas da loja. Até o momento, cerca de 65 unidades já utilizam o sistema.

Além dessas ferramentas, a rede ainda conta com um sistema de BI (business intelligence), conhecido internamente como o Google da Casa do Construtor, uma ferramenta para os franqueados com dados e mais de 150 perguntas comumente feitas por clientes. O sistema centraliza todo os dados da loja, como detalhamento de vendas, controle de obras e outros indicadores que auxiliam nas ações comerciais.

Sobre a Casa do Construtor

Fundada em 1993, a Casa do Construtor é uma rede de franquias especializada em locação de equipamentos para construção civil e soluções para o dia a dia, que entrou para o segmento do franchising em 1998. A rede trabalha com a locação de equipamentos como andaimes, rompedores e betoneiras. Desde a abertura, a rede de franquias registrou crescimento significativo ano após ano. Prova são os números de 2019, em que a empresa apresentou um crescimento de 25%, faturando cerca de R$ 275 milhões, com 277 unidades. Para 2020, as metas de faturamento são de R$ 350 milhões e 330 unidades.

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.