Startups que mudam a educação no Brasil

O ano de 2020 trouxe uma revolução no mercado educacional com as aulas online. No entanto, as chamadas edtechs – startups do meio educacional – já apostam em tendências que hoje tiveram que se tornar regra dado o contexto atual. Segundo recente estudo publicado pelo hub de inovação Distrito, o país conta hoje com cerca de  559 startups voltadas para este mercado.

São startups que nasceram para revolucionar a educação no país, do Ensino Superior ao Infantil, por meio de tecnologias como Inteligência Artificial, Realidade Virtual, gamificação, entre outros.

Abaixo alguns exemplos de edtechs que crescem anualmente transformando o meio educacional brasileiro:

CHATCLASS

Inteligência Artificial no ensino de inglês
A startup democratiza o ensino do inglês com o uso de uma Inteligência Artificial no WhatsApp, na qual alunos podem praticar fala, escuta e escrita interagindo com um “robôzinho”. É uma tecnologia de alta performance que chega às escolas e alunos de forma simplificada e intuitiva. Já impactou mais de 400 mil alunos em todo o Brasil e têm parcerias com instituições como FDT, Cultura Inglesa, Embaixada Americana, além da secretaria de educação de João Pessoa e governos da Bahia, Pernambuco e Ceará. Além disso, conta com um curso completo Premium, também aplicado totalmente no app de mensagens com mensalidade de R$49,90.

MEDROOM

Realidade Virtual em anatomia

A startup aplica a imersão da tecnologia de realidade virtual (VR, do inglês virtual reality), junto a estratégias de gamificação para criar experiências destinadas à educação em cursos de medicina e outras competências de saúde. Por meio de um laboratório de anatomia virtual, o aluno pode analisar profundamente a anatomia e a fisiologia do corpo humano, visualizando cada órgão ou estrutura para entender as correlações entre eles. É uma das startups incubadas do Eretz.bio, centro do Hospital Albert Einstein, e recentemente foi adquirida pelo gigante Ânima Educação.

TRYBE
Formação de Programadores

Fundada em 2019, é uma escola que se compromete integralmente com o sucesso de seus estudantes e é referência em formação de desenvolvedores web, uma das profissões digitais mais procuradas pelo mercado. Entre os diferenciais está o programa com 1.500 horas de conteúdo e completado em torno de 12 meses, que conta com uma série de desafios práticos para potencializar a formação dos estudantes e prepará-los para o mundo real.  Além disso, a Trybe oferece o Modelo de Sucesso Compartilhado (MSC), em que a pessoa pode começar a pagar o curso apenas após estar trabalhando com uma remuneração mínima. Em um ano de vida, já levantou mais de US$ 15,7 milhões em investimentos.

QUANTUM
Competências de vida de forma gamificada
Edtech focada em desenvolver o potencial humano ao transformar crianças e adolescentes, entre 4 e 18 anos, em profissionais do futuro. Focada em soluções educacionais, a Quantum acredita no poder da pedagogia e para isso une a educação gamificada com atividades práticas e onlines para ensinar empreendedorismo, tecnologia e habilidades do Século 21. Assim, oferece um sistema de ensino que inclui software e hardware com trilhas, desenvolvidas pelos professores, voltadas para novas tecnologias, como Programação em Blocos e Atividades Maker e Pensamento Computacional. Já são 20 trilhas com mais de 600 horas de aula.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também vai gostar de: