Brasileiros acima de 65 anos já são 7,4% da população, aponta IBGE

redacao 21/10/2011
redacao 21/10/2011

A fatia de idosos na população brasileira está crescendo, segundo o Censo 2010, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Há cerca de 14 milhões de brasileiros acima de 65 anos, o equivalente a 7,4% dos 190 milhões brasileiros. Em 2000, o grupo correspondia a 5,9%, e em 1991, a 4,8%.

Essa tendência tem estimulado o surgimento de novos tipos de serviço. A Telehelp, por exemplo, oferece um equipamento pelo qual o idoso ou portador de necessidades especiais aperta um botão e chama a central quando tem um problema, como uma queda, por exemplo. A central entra em contato com o cliente e descobre o que aconteceu; se for necessário, liga para parentes ou para o serviço de emergência e pede uma ambulância. Há planos em que o cliente paga para ter uma ambulância disponível. O serviço varia entre R$ 85 e R$ 140 por mês.

A empresa começou a atuar em 2006, mas os três primeiros anos foram de adaptação ao mercado, conta José Carlos Vasconcellos, diretor-geral da Telehelp. “Apesar de ter cinco anos de existência, a gente estava testando tecnologia. Começamos a deslanchar em vendas nos últimos dois anos”, diz ele, acrescentando que apenas entre janeiro e setembro de 2011, as vendas cresceram em 70% em relação ao mesmo período de 2010.

Vasconcellos diz que a ideia de montar a Telehelp surgiu depois que sua mãe, já aposentada, caiu em casa quando estava sozinha. Ele, que já trabalhava com segurança, pesquisou e descobriu que existia esse tipo de serviço fora do país. Surgiu no Reino Unido há cerca de 30 anos. De acordo com a Telecare Services Association, a associação do setor no Reino Unido, 1,7 milhão de pessoas usam o serviço por lá. Segundo Vasconcellos, o potencial de crescimento no Brasil é “enorme”. Atualmente a Telehelp tem 3 mil clientes no país e atua em 107 cidades de 13 Estados.
 

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.