Crédito para consultoria facilita vida dos empreenderores

redacao 02/10/2013
redacao 02/10/2013

Por meio do Cartão BNDES, empresários podem contratar Sebraetec sem gastar seu capital de giro

Marcelo Magalhães é dono de um pequeno negócio em Santa Quitéria, município a 220 quilômetros da capital cearense. Ele vende rações animais, medicamentos veterinários, máquinas e motores agropecuários, entre outros produtos. A empresa existe há 18 anos e, embora já tenha conquistado seu espaço no mercado, Marcelo percebeu que era hora de mudar e crescer.

O empresário recebeu a boa notícia de que poderia utilizar o seu Cartão BNDES para contratar os serviços do Sebraetec. “Fiquei muito feliz porque, em vez de gastar meu capital de giro, pude usar o crédito do cartão para pagar a minha contrapartida nas consultorias, parcelando o valor em várias prestações, o que não pesou tanto no meu orçamento. Isso facilitou bastante o acesso à inovação da minha empresa e já pudemos sentir o impacto no aumento do faturamento”, afirma Marcelo.

Com as orientações do Sebraetec, o Comercial Manuelito redefiniu sua marca e adotou uma nova identidade visual. Além disso, a loja ganhou um novo layout que melhorou a disposição dos produtos e o atendimento aos clientes. “As mudanças alavancaram as vendas. Nunca imaginei que os resultados pudessem ser tão bons”, comemora.

Marcelo foi o primeiro empresário cearense a ser beneficiado com o credenciamento do Sebrae no Ceará para o Cartão BNDES. A parceria permite que os empreendedores de todo o estado possam contratar uma consultoria do Sebraetec pagando a sua contrapartida por meio do cartão. A vantagem é que o parcelamento pode ser em até 48 vezes.

“Nosso objetivo é ampliar as oportunidades de acesso a conhecimentos tecnológicos e o leque de empreendedores atendidos pelo programa”, explica a gestora do Sebraetec no Ceará, Elayne Alencar. Segundo ela, o Sebrae subsidia grande parte dos custos do serviço das consultorias tecnológicas e o restante é pago pelo empresário. “Muitas vezes, os donos de micro e pequenas empresas não têm condições de usar o dinheiro do caixa para investir na melhoria do negócio. O cartão permite isso”, completa.

O Cartão BNDES é um crédito rotativo e pré-aprovado, destinado às micro, pequenas e médias empresas para o financiamento de investimentos e aquisição de produtos credenciados. Mais de 225 mil itens estão disponíveis para compra por meio do Cartão BNDES, sendo os mais comercializados máquinas e equipamentos, materiais de construção civil, computadores, softwares, móveis comerciais, veículos utilitários e motocicletas para serviços de entrega.

Vantagens

De acordo com o gerente de comunicação e fomento do Cartão BNDES, Vitor Hugo Ribeiro, o cartão é vantajoso para o empresário porque pode ter um limite de até R$ 1 milhão por banco emissor, taxa de juros atrativa (de 0,86% ao mês em setembro de 2013) e pagamento em até 48 prestações mensais fixas, sem cobrança de anuidade.

“Para solicitar o cartão é simples. Basta acessar o site www.cartaobndes.gov.br, clicar no menu Solicite seu Cartão BNDES, preencher a proposta de solicitação e encaminhá-la ao banco emissor, junto com os documentos necessários”, informa. No Ceará, o empreendedor pode entrar em contato com o posto de informações da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), pelos telefones (85) 3421-5450 ou 3421-5461.

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.