Última edição Edição 262 January 2017 Assine

Desemprego em seis regiões do País é o menor desde 98

redacao 10/12/2009
redacao 10/12/2009

O desemprego nas seis regiões metropolitanas pesquisadas pela Fundação Seade em parceria com o Dieese ficou em 14,6% em julho, o menor nível para o período desde 1998, segundo dados divulgados nesta quarta-feira, 27. O nível de ocupação caiu 0,7% no mês em julho ante junho e subiu 5,2% em relação a julho de 2007.

O rendimento médio real dos ocupados, por sua vez, diminuiu 0,7% em junho ante maio, e passou a corresponder a R$ 1.154,00. Em relação junho de 2007, houve crescimento de 3,8%. A massa de rendimento dos ocupados permaneceu relativamente estável (-0,3%) em junho ante maio. Mas, na comparação com junho do ano passado, aumentou 8,4%.

A pesquisa foi realizada nas regiões metropolitanas de Belo Horizonte, Porto Alegre, Recife, Salvador, São Paulo e Distrito Federal. O contingente de desempregados foi estimado em 2,933 milhões de pessoas.

São Paulo

Considerando apenas a região metropolitana de São Paulo, o desemprego ficou em 14,1% em julho. Embora tenha tido uma pequena elevação em relação a junho (13,9%), o resultado é o menor para meses de julho desde 1996. O contingente de desempregados foi estimado em 1,487 milhão de pessoas.

O rendimento médio real dos ocupados caiu 2,3% em junho ante maio e passou a corresponder a R$ 1.205,00. Em comparação com junho de 2007, o rendimento médio real teve alta de 2,5%. A massa de rendimento dos ocupados, uma combinação entre o nível de ocupação e o rendimento, também teve redução, de 2,2% em junho ante maio, devido ao decréscimo dos rendimentos reais. Na comparação com junho de 2007, houve alta de 6,8%. O nível de ocupação variou 0,2% em julho ante junho. Em relação a julho de 2007, o nível de ocupação subiu 4,7%.

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.