Empreendedor - negócio criativos, inovadores e rentáveis

EMP 261 site Última edição Edição 261 December 2016 Assine

Lucro da Lojas Renner sobe 22,8% no último trimestre, para R$ 123,2 milhões

redacao 17/02/2011
redacao 17/02/2011

Com lucro líquido de R$ 123,2 milhões, a Lojas Renner (LREN3) divulgou na noite desta quarta-feira (16) seus resultados referentes ao quarto trimestre de 2010. O montante representa um incremento de 22,8% na comparação com os ganhos de R$ 100,3 milhões vistos em igual período do ano anterior.

Entre outubro e dezembro do ano passado, a varejista somou uma receita líquida de R$ 899,8 milhões, configurando um avanço de 15,5% frente aos R$ 778,8 milhões auferidos um ano antes. Na mesma base comparativa, o Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) cresceu 14,2%, totalizando R$ 178,3 milhões.

Vale lembrar que a receita líquida da Lojas Renner veio acima da projeção média de R$ 886,7 milhões compilada pela InfoMoney, com base em dados do HSBC, Barclays e UBS. Já o Ebitda veio inferior ao montante médio que as prévias indicavam, de R$ 190,1 milhões.

Receita líquida de vendas
Dos R$ 899,8 milhões de receita líquida total, R$ 823,7 milhões representam as receitas líquidas de vendas de mercadorias no 4T10, apresentando um aumento de 15,7% em relação aos R$ 711,9 milhões vistos em 2009. Além disso, a companhia destacou que as vendas em mesmas lojas tiveram avanço de 10% na mesma base de comparação.

"A melhor composição dos estoques, se comparada com o mesmo período de 2009 e o cenário macroeconômico, com indicadores positivos de emprego formal e maiores níveis de confiança, contribuíram com o desempenho do período. Se não fossem as baixas temperaturas apresentadas nos meses de outubro e novembro, essas receitas teriam um resultado ainda melhor", frisou a Lojas Renner.

Cartão Renner
De acordo com o balanço da empresa, o cartão Renner foi responsável por 55,9% das vendas realizadas no último trimestre de 2010, contra 59,6% de 2009. Segundo a varejista, esta menor participação deve-se ao significativo número de inaugurações ocorridas a partir de 2005, visto que a companhia necessita de algum tempo para construir uma base representativa de cartões nos novos mercados.

"A maior participação de cartões de crédito tradicionais também vem impactando estes resultados e a companhia acredita que a oferta de cartões de crédito com Mastercard e Visa irá contribuir na recuperação da participação do cartão Renner nas vendas totais da companhia", avaliou a Lojas Renner.

O ticket médio das vendas com o Cartão Renner passou de R$ 132,86 no último trimestre de 2009 para R$ 142,74 entre outubro e dezembro do ano passado, o que representa um incremento de 7,4%.
 

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.