O que não pode faltar nos planos da sua empresa para 2018

Consultor Roberto Vilela indica questões que precisam ser estudadas para garantir que os negócios sigam confiantes no próximo ano

Redação 26/12/2017
Redação 26/12/2017

A chegada do fim do ano não é sinônimo apenas de férias. A época é também de muito estudo e discussão para quem atua em cargos de liderança. Neste período é essencial realizar um planejamento empresarial e garantir que em 2018 a empresa continue crescendo.

O consultor da Mega Empresarial, Roberto Vilela, lista alguma das ações que não podem ficar de fora para quem quer começar o próximo ano com os negócios em ordem:

Analise os resultados do ano que passou
A primeira dica do profissional é que gestores e líderes tirem um tempo para avaliarem o que ocorreu no último ano. “É hora de verificar erros e acertos, ver o que pode ser melhorado e também as ações que não deram o resultado esperado. Essa análise precisa ser completa e deve envolver todos os estágios da empresa, do RH ao comercial. Assim é possível encontrar os motivos, por exemplo, pelos quais as metas não foram batidas, independente do cenário econômico atual”, aconselha.

Esteja atento ao cenário econômico
Antes de planejar e executar investimentos é importante analisar as projeções econômicas para 2018. “Especialmente as que dizem respeito ao seu segmento. Também é importante estudar a concorrência, bem como o comportamento do consumidor. Assim é mais garantido que os recursos serão bem empregados e com mais segurança de retorno”, salienta Roberto.

Busque apoio profissional
Para o consultor da Mega, contar com uma equipe qualificada e opinião de quem tem experiência em gestão e consultoria é um diferencial. “Esse olhar de fora, sem os vícios de quem já está há anos em um negócio, faz com que a equipe perceba questões que muitas vezes passam despercebidas. É também uma oportunidade de tomar decisões mais duras, baseadas em estudos e opiniões de quem conhece o mercado além da sua empresa”, comenta.

Reveja estratégias ao longo do ano
Depois que o ano começa, muita gente deixa o planejamento engavetado e, em meio a inúmera tarefas, esquece do que foi acordado. Por isso é essencial retomar as estratégias durante períodos mais curtos. “Pode ser durante reuniões mensais ou trimestrais, que irão ajudar a verificar os resultados já atingidos e o que pode ser feito para ampliar o trabalho. Assim ninguém é surpreendido por números abaixo do esperado quando 2018 chegar ao fim”, destaca o consultor.

Invista em pessoas
Por fim, Roberto Vilela diz que não se deve esquecer da preparação da equipe. “Palestras, treinamentos, atualizações sobre o portfólio de produtos ou serviços. É sempre fundamental que as pessoas sejam e estejam preparadas para executar suas funções e que possam superar as expectativas em relação ao trabalho. Para isso, é importante que haja investimento em pessoas”, finaliza.

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.