Última edição Edição 262 January 2017 Assine

Reforma tributária tem que ser votada neste ano, afirma Lula

redacao 10/12/2009
redacao 10/12/2009

Para o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, aprovar a reforma tributária é uma questão de honra e deve ser feito ainda esse ano. A afirmação foi feita na última terça-feira (01) durante o CDES (Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social).

"Tenho dito aos deputados que deve ser transformado em uma questão de honra eles aprovarem esse ano. Não é possível, se estão todos de acordo, vai lá e vota, não há porque não votar", enfatizou Lula.

O mais importante antes

Segundo a Agência Brasil, o presidente considerou também que as medidas mais importantes devem ser votadas o mais cedo possível. "Vota o grosso e depois tenta consertar o que precisar", afirmou.

Lula também provocou os integrantes do conselho a debaterem a reforma política. "Eu acho que é a mais importante de todas elas e não sei porque as pessoas não querem fazer, a gente percebe a fragilidade dos partidos, mas as pessoas não querem fazer", disse.

O CDES é formado por 13 ministros e 90 representantes da sociedade civil, que discutem questões nacionais e elaboram propostas de política pública e programas de governo.

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.