Empreendedor - negócio criativos, inovadores e rentáveis

EMP 261 site Última edição Edição 261 December 2016 Assine

Sebrae lança projeto voltado ao setor de transportes

redacao 21/12/2012
redacao 21/12/2012

Na boleia do caminhão, o motorista Marcelo Adriano Nunes observa o Cerrado e ganha o pão de cada dia ao percorrer os mais de 60 mil km por mês entre a capital federal e o entorno goiano. A partir de janeiro, as viagens serão embaladas ao som da capacitação, que vai transformar a profissão em negócio. Marcelo vai se juntar a mais de 70 mil empreendedores do setor de transporte de cargas, escolar, fretamento e turismo de todo o país para melhorar os resultados de sua atividade. Em uma experiência inédita, o Sebrae em parceria com a Confederação Nacional dos Transportes (CNT), o Serviço Social do Transporte (Sest) e o Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Senat), vai ajudar esses profissionais com o projeto Gestão de Negócios para Microempresas e para Microempreendedores Individuais de Transporte.

A capacitação visa orientar gratuitamente esses empreendedores com foco em gestão de negócios, por meio de educação a distância. Para isso, serão enviados via correio para o endereço fornecido no ato da inscrição kits educativos compostos por material impresso e CD.

Há 25 anos na estrada, o motorista Marcelo planeja virar o dono do próprio negócio. “Com o curso posso ter ferramentas para abrir uma transportadora. É o começo da realização de um sonho”, afirma. Ele diz que se inscreveu na capacitação porque quer se especializar no ramo de transportes de carga para se tornar um empreendedor. Na opinião do gerente de uma transportadora de cargas localizada em São Paulo, Domingos Nascimento, o curso chega em boa hora. Todos os dias, ele comanda 40 funcionários. “Se eu não me atualizar, serei consumido pelo mercado de trabalho”, avalia.

De acordo com a gerente de Capacitação Empresarial do Sebrae, Mirela Malvestiti, esses cursos estarão disponíveis durante 24 meses a partir de janeiro de 2013. Ao se inscrever, o empreendedor recebe via correio o primeiro kit de estudos. Ao final, deverá destacar a ficha de avaliação que se encontra na última página do impresso e enviar via correio como carta selada. Em seguida, será encaminhado o segundo kit de estudo e assim sucessivamente.

O participante terá nove meses para completar o curso, ou seja, aproximadamente três meses para cada kit. Serão três ciclos de estudos, com duração de três meses. Os empreendedores vão passar por três níveis de capacitação: básico, intermediário e avançado. Eles terão aulas de sobre o mercado de transporte, postura profissional, legislação, segurança, atendimento, marketing pessoal e profissional, administração financeira, negociação de preços, contratos e tarifas, seguro contra acidente e qualificação na prestação de serviços, dentre outros. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas nas unidades do Sest e Senat e nos pontos de atendimento do Sebrae em todo o país.

Parcerias

O Sebrae é uma agência de fomento e assistência técnica aos pequenos negócios, que, há 40 anos, promove a competitividade e o desenvolvimento sustentável das micro e pequenas empresas – aquelas com faturamento anual bruto anual de até R$ 3,6 milhões. A instituição possui cerca de 700 postos de atendimento distribuídos pelo país.

Criada em 1954, a CNT tem como missão atuar na defesa dos interesses do setor de transportes. Sediada em Brasília, a instituição executa papel importante de atuação: são 29 federações, três sindicatos nacionais e 15 associações nacionais que representam 70 mil empresas de transporte e 1,9 milhões de caminhoneiros e taxistas. Esses números mostram uma expressiva participação econômica do setor, que corresponde a 15% do Produto Interno Bruto (PIB). A CNT tem ainda como meta estimular e apoiar a integração entre os modais rodoviário, ferroviário, aquaviário e aéreo.

O Sest e Senat são entidades civis sem fins lucrativos cujo objetivo é valorizar os trabalhadores do setor de transporte. Fundadas em 1993, as instituições são de responsabilidade da CNT, que organiza e administra os órgãos. O Sest e Senat ainda gerenciam, desenvolvem e apoiam programas que prezam pelo bem-estar do trabalhador em áreas como saúde, cultura, lazer e segurança no trabalho. Na área educacional, o foco se volta a programas de aprendizagem, que incluem preparação, treinamento, aperfeiçoamento e formação profissional.

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.