iFood recebe R$ 1,9 bilhão para entregar comida em casa com inteligência artificial

Francisco Riffel 14/11/2018
Francisco Riffel 14/11/2018

A Movile, primeiro “unicórnio” do Brasil ( startups, empresa nascente que alcançou o valor de mercado de U$ 1 bilhão) anuncia um investimento de US$ 500 milhões ( R$ 1,9 bilhão) no aplicativo de entrega de comida a domicílio, o iFood. Esse aporte da Movile, em conjunto com os fundos Naspers e Innova Capital, é o maior já feito no país numa empresa de tecnologia. A Movile é dona, além do iFood, da Sympla (( maior plataforma de venda de eventos e ingressos online do país) e da PlayKids, entre outras.

No início deste ano, a Moville já tinha recebido um aporte de US$ 100 milhões. Novos investimentos estão previstos para ocorrer já no início do próximo ano. Esses recursos serão destinados para reforçar cinco pilares da empresa: inteligência artificial, logística, promoções, pessoas e fusões/aquisições.
O principal executivo da Movile, Fabricio Biosi, num encontro com jornalista revelou que a empresa pretende triplicar o número de restaurantes atendidos e dobrar o número de entregadores (motoqueiros) em todo o país. “Seremos uma empresa brasileira com atuação global e queremos liderar o mercado de food delivery”, setencia.

A Movile, através do iFood, está de olho no imenso mercado de entrega de comida a domicílio que gira bilhões por ano. As duas maiores empresas do mundo neste mercado é a chinesa Meituan Dianping e a americana Uber Eat. A Meituan, a maior de todas, recebeu neste ano um aporte de US$ 4 bilhões e tem um valor de mercado hoje de US$ 60 bilhões.

Grande parte dos novos investimentos na iFood, segundo comunicado da Movile, será em inteligência artificial, ou seja, o uso de robôs. Essa inteligência artificial será aplicada desde o atendimento, por telefone ou via digital, de forma precisa. Assim o robô vai saber, por exemplo, o hábito de cada cliente e poderá sugerir a compra de um produto a mais. O robô também vai indicar para o motoqueiro a rota mais rápida e segura para chegar na casa de alguém que fez um pedido.

Comentar

Os itens com asterisco (*) são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.