Resale cresce 10x sua receita e chega a 1 milhão de usuários

Proptech teve crescimento de 327% na audiência de suas plataformas com clientes como Banco do Brasil, Santander, BTG Pactual e Emgea (Empresa Gestora de Ativos do Governo)

A Resale , outlet imobiliário escolhido por gigantes como Banco do Brasil, Santander, BTG Pactual e EMGEA (Empresa Gestora de Ativos do Governo) para levar inovação em suas operações de vendas, celebra mais um ano de crescimento. A scale-up, que desenvolve soluções para gestão e venda de imóveis que retornam ao mercado provenientes de instituições financeiras, empresas públicas e grandes empresas, bateu a marca de 1 milhão de usuários únicos em seu site e teve um crescimento de 327% na audiência de suas plataformas com estes clientes.

Ainda em 2020, a empresa fechou seu quinto ano de operação com uma receita 10x maior do que no ano anterior, atingindo o break-even. De um total de 100 vendas em 2019, a Resale saltou para mais de 1800 transações de vendas em 2020, nos portais das instituições financeiras que são suas parceiras.

Segundo o CEO e fundador da scale-up, Marcelo Prata, a Resale tem como maior objetivo a democratização da compra de imóveis do mercado financeiro, de grandes empresas e também do Governo. “Antes, apenas quem conhecia muito bem o mercado de imóveis e leilões sabia como adquirir essa categoria, que pode ter deságios que chegam até a 70% comparados aos valores de mercado. Além disso, entendemos que era necessário assumir toda a jornada de compra e venda e lançamos em 2020 nossa plataforma transacional Pagimovel, uma solução para digitalizar 100% do processo. Com ela, conseguimos garantir que o processo de compra seja digital, ágil e abranger o Brasil inteiro de forma centralizada”, explica Prata.

Para 2021, a Resale espera um faturamento de R$20 milhões, com projeção de crescimento percentual em torno de 186%. Além do êxito em números próprios, a empresa comemora o sucesso de vendas de seus parceiros e a chegada de um novo executivo em seu quadro de C-Levels.

Igor Freire, que em sua última experiência foi diretor de vendas da Lello, uma das maiores imobiliárias do Brasil e líder no segmento de condomínios, é o novo Chief Revenue Officer (CRO) da proptech. Com mais de 12 anos no mercado de imóveis, Freire já atuou em empresas como Ambev, HP (Hewlett Packard), Lopes, Tenda, Direcional, entre outras. “Fui convidado pelos cofundadores e pelo BTG para assumir essa nova diretoria, focada na geração de receita. Passei por todos os setores do mercado imobiliário, mas ainda não havia atuado numa scale-up. Apesar do crescimento exponencial que já existe na Resale, essa nova área será focada na gestão dos setores que lidam com a geração de receita, seja na atração de usuários, prospecção ou no pós-venda com o cliente”, explica Freire.

Cases de sucesso

A partir da solução criada pela Resale, empresas como o Banco do Brasil tiveram um  crescimento de 37% na sua venda de imóveis no ano passado, comparada a 2019. Considerando somente os retomados do crédito, houve um aumento de 51% nas vendas dessa categoria, que representam R$107,35 milhões dos R$150 milhões das vendas totais do banco. As vendas aconteceram  digitalmente, por meio da plataforma Seu Imóvel BB, construída com a Resale e lançada em abril do ano passado.

Outra grande conquista foi a parceria com a Empresa de Ativos Retomados do Governo Federal (Emgea), que lançou com a Resale em outubro de 2020 o portal Emgea Imóveis. O lançamento trouxe mais agilidade na venda de imóveis que eram da União e está alinhado com os objetivos de desestatização da instituição. Com isso, a proptech ampliou suas operações para ser B2B, B2C e B2Gov.

Tanto para o BB quanto para a EMGEA, a Resale criou o modelo de concorrência pública, que consiste em uma forma extremamente segura e transparente para o envio de propostas criptografadas para a compra de ativos. “O valor proposto (envelope comercial) é 100% criptografado, inviolável e identificado por meio de um token cujos dados somente serão liberados após o término da concorrência, quando então é conhecido o ranking de participantes”, contextualiza o cofundador e CTO da Resale, Paulo Nascimento.

“Queremos levar ainda mais inovação tanto para nossos clientes e parceiros quanto para o público final. A Resale é um canal de vendas que pode ser acessado por todos e com linguagem acessível. Estamos muito empolgados em continuar a desenvolver soluções para quem quer novas formas de investimento ou um imóvel para morar, por isso não estamos medindo esforços em investir recursos e atrair talentos para a Companhia”, finaliza Marcelo Prata.

Sobre a Resale

Proptech fundada em 2015, a Resale é um outlet de imóveis que desenvolve soluções para gestão e venda de imóveis que retornam ao mercado provenientes das instituições financeiras. Por meio das suas plataformas, tanto os bancos quanto o cliente final podem ter acesso à tecnologias de ponta que tornam o processo de compra e venda mais ágil, fácil e barato. 

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também vai gostar de: