A TNS, weg e Zoom

Nesta edição, o destaque é para três empresas que ganharam mais força em plena pandemia do coronavírus: TNS, WEG e a Zoom. A TNS nasceu em 2009, na ilha de Florianópolis, em Santa Catarina. A WEG despontou em 1961, na  cidade catarinense de Jaraguá do Sul. E a Zoom surgiu em 2010, em São Francisco, na Califórnia, nos Estados Unidos.

Cada uma dessas empresas trabalhava arduamente nesses últimos anos, mas de forma silenciosa. A TNS produzia diferentes produtos para combater as bactérias e vírus que hoje matam mais que o câncer em todo o mundo. Essas bactérias e vírus estão desde o bico que a criança leva à boca até o mais moderno centro médico. A WEG ergueu o maior poderio de eletromotores do mundo, com fábricas em 12 países. Já a Zoom disponibilizava um serviço de vídeoconferência em maior número para atender grandes corporações.

A pandemia do coronavírus, no entanto, jogou forte luz sobre essas três empresas. Aos primeiros sinais do coronavírus a TNS lançou um novo e ainda mais potente produto em nanopartículas, o Protec-20,  para inibir e eliminar as bactérias e vírus em todas as superfícies. A WEG refez uma unidade em Jaraguá do Sul para produzir aparelhos respiratórios, uma necessidade vital e em falta no mundo inteiro durante a pandemia. A Zoom passou a viver uma verdadeira “febre” pelo uso do vídeo.

O diretor geral da TNS, Gabriel Nunes, admite que só queria  criar uma empresa para oferecer qualidade de vida e bem estar a mais gente possível. Os três fundadores da WEG, Werner Voigt ( eletricista) Eggon João da Silva ( bancário) e Geraldo Werninghaus (mecânico) só  queriam saber se um pequeno motor que criaram conseguia levar luz de um lado para o outro da rua onde moravam. O chinês Eric Yuan, por sua vez, diz que ao criar a Zoon só pensava em um aparelho capaz de ver a namorada, no tempo de faculdade na China, e assim evitar uma viagem de trem de 10 horas.

Vale a pena conhecer a vida, o trabalho e as histórias desses bravos empreendedores.

Boa leitura.

Acari Amorim, diretor editor

Assine a revista